Header AD

Zombie Planet: Fora do Controle (Capítulo VII)


Confira o sétimo capítulo da fanfic original TPJ, Zombie Planet.


Zombie Planet
Primeira Temporada
Capítulo VII – Fora do Controle

UMA SEMANA DEPOIS

Uma semana se passou desde a destruição do centro da cidade. Os ânimos estão mais calmos na mansão. A horda de zumbis nas proximidades diminuiu e o grupo estuda a possibilidade de finalmente sair dali.

Neste período algumas coisas aconteceram. Muitas emissoras de TV saíram do ar e as poucas que restam não mantêm o sinal 24 horas do dia, em questão disso o grupo deixa a TV ligada o dia inteiro para quando ocorrer qualquer transmissão, eles não perderão.

Naiara está bem após a tragédia com sua família e neste curto período de tempo se aproximou muito de Vinicius, os dois estão inseparáveis, causando ciúmes em Rafael. O youtuber não recebeu muita atenção da garota, já que por diversas vezes criticou o trabalho e a postura de Vinicius na mídia o que causava ódio entre as fãs do ator. Rafael já foi ameaçado de morte por criticar Vinicius em alguns de seus vídeos, detalhe que fez o jovem perceber o quanto o astro juvenil era aclamado pelas adolescentes.

Rafael não conseguia entender como um jovem que sempre se envolvia em alguma polêmica podia ser tão adorado pelas pessoas. Seus personagens também geralmente eram fracos e a atuação dele não era das melhores, entretanto, as pessoas continuavam gostando dele. Rafael acreditava que aquela pose de bom moço que Vinicius demonstrava para Naiara era fachada e que logo ele mostraria a verdadeira face, a que muitos conheciam por suas polêmicas sempre mal explicadas.
- Rafael? Estou falando com você! – dizia Mathias o olhando fixamente.

- Hã? – respondeu Rafael confuso, voltando à realidade após se perder em meio aos pensamentos e conspirações contra Vinicius.

Todos estavam na cozinha da mansão planejando como iriam sair da mansão. O grupo estava reunido em volta do balcão central que havia no local. Naiara estava abraçada com Vinicius bem em frente a Rafael e Mathias, Jorge e Tiago estavam cada um numa ponta do móvel.


- Perguntei se você poderia dirigir o Zafira do Vinicius – perguntou novamente Mathias – lá tem espaço para todos nós – concluiu.

- E por que ele mesmo não dirige? – Rafael perguntou rispidamente.

- Por que só eu e você sabemos o caminho – Mathias respondeu com tom de sarcasmo.

Rafael percebeu o que estava fazendo e tentou recompor seu humor para não deixar transparecer o ciúmes que sentia do aparente casal.

- Verdade. Dirijo sem problemas – respondeu tranquilamente.

O grupo discutia como sair dali sem correr grande risco com os zumbis que permaneciam vagando pela rua. Jorge tomava frente e explicava para seus companheiros exatamente o que tinham que fazer e todos prestavam atenção nas orientações do ex-militar.

- Prestem atenção – Jorge iniciava o discurso – Vamos partir amanhã cedo para garantir que a viagem seja durante o dia. Vamos abastecer o carro com o máximo de mantimentos que conseguirmos. O portão é automático, assim que abrirmos o Rafael irá acelerar o carro e partiremos antes que esses bostas que estão aí fora percebam que não estamos aqui.

- E se alguma coisa der errado, qual o plano B? – perguntou Tiago enquanto todos voltavam os olhares a ele e retornaram para Jorge em seguida.

- Não existe plano B – afirmou Jorge – o plano A tem que dar certo.

No decorrer do dia todos se preparavam para a fuga no dia seguinte. Mathias não desgrudava do notebook esperando algum contato de sua namorada e ficou quase a tarde inteira sentado no sofá com o aparelho eletrônico no colo aguardando qualquer sinal de sua amada. Tiago descansava no quarto, pois sentia algumas náuseas que vivam lhe incomodando. O jovem já estava acostumado com esses enjoos e nem se preocupava mais com eles. Deitado na cama ele observava o cordão de sua mãe que achou no hospital e com os olhos marejados pegou no sono. Jorge era o mais ativo do grupo e preparava tudo para que o plano desse certo, desde organizar os suprimentos, observar a movimentação do lado de fora e arquitetar todo o plano novamente para que saíssem ilesos de lá.

Rafael saía de seu quarto e caminhava pelo corredor lentamente, ele passava em frente ao quarto de Vinicius e notou que a porta estava entre aberta. Dentro do cômodo Vinicius e Naiara conversavam e Rafael resolve escutar escondido.

- Tenho muita sorte de ter vindo parar aqui – dizia Naiara.

- Eu que tenho sorte da minha fã número um aparecer na minha casa em pleno apocalipse – dizia Vinicius. Rafael olhava pela fresta sem deixar que percebessem. Vinicius estava sentado na cama e Naiara estava de frente ao rapaz em pé. O recém casal estava abraçado e Vinicius acariciava os cabelos de Naiara que retribuía com um suave carinho no rosto do rapaz. O casal trocou um beijo e aquela cena fez com que Rafael envermelhasse de raiva e ciúmes.

No instante do beijo a TV voltou a transmitir um dos canais e o casal apaixonado levou um susto com o som do aparelho. Naiara correu para chamar os outros e Rafael teve que se apressar para não ser pego atrás da porta. Ele fingiu que caminhava pelo corredor e tentou agir o mais natural possível.

Ao passar pela porta correndo, a jovem esbarra em Rafael e com ar desconfiado informa que a TV está transmitindo novamente o noticiário. Ela grita por todos que se apressam para assistir as novas notícias sobre o caos que o mundo esta enfrentando.

Em um estúdio improvisado e com a qualidade de áudio e imagem baixa o âncora do noticiário inicia explicando o que houve.

- Boa noite! Os estúdios de nossa emissora foram invadidos pelos infectados e tivemos que sair as pressas de lá – dizia o âncora em tom sério – infelizmente diversos de nossos produtores não conseguiram escapar, inclusive minha companheira de bancada Renata Valinhos e nossa meteorologista Marge Coutinho – informava tristemente.

- Alguns centros de grandes capitais foram bombardeados na esperança de diminuir a população de infectados que cresce rapidamente – continuou informando os telespectadores – estamos a pouco mais de uma semana onde ocorreram os primeiros ataque e segundo estimativas, 20% da população brasileira já perdeu a vida em decorrência desse surto desconhecido. – concluiu.

Esta notícia causou terror em todos do grupo que assistiam o jornal e os fez perceber que a situação estava pior do que pensavam. 20% da população eram um número absurdo, pior que muita catástrofe natural que dizimou milhares de vidas.

- Uma última notícia antes de encerrarmos esta transição – dizia o âncora William Bernard. A câmera focava em seu rosto – de acordo com informações, nossa presidente não conseguiu escapar a tempo de um ataque em Brasília e não sobreviveu. O Brasil está diante de um grande surto de uma doença desconhecida e sem governante. Agora só Deus pode nos ajudar, boa sorte a toda população brasileira – dizia o âncora antes de a transmissão ser encerrada.

- Está tudo pronto! – disse Jorge olhando fixamente para todos – amanhã partimos bem cedo.

Horas depois Mathias, Rafael e Tiago estavam comendo na cozinha antes de irem dormir e Rafael desabafava sobre a situação que se encontrava.

- Tenho certeza que ele está enganando ela – dizia – conheço esse tipo e sei a trajetória dele. Pesquisei muito sobre ele, pois sobre que o abordava em meus vídeos conseguia muitas views – concluía.

- Mas por que ele faria isso? – Tiago questionava.

- Não sei, mas alguma coisa ele esconde – afirmava Rafael. Tiago lembrou-se de quando ouviu Vinicius conversando com alguém no telefone, mas preferiu ficar quieto para evitar confusões na véspera da partida.

- Acho que você só esta com ciúmes e arranjando motivo para brigar – disparou Mathias.

- Já vai começar Mathias? – perguntou Rafael ironicamente.

- Desculpa, sabe que estou falando muitas coisas sem pensar – respondeu Mathias – estou preocup…

Antes que pudesse terminar a frase Mathias exibiu em seu rosto um enorme sorriso quando visualizou que sua namorada havia ficado online. Sem esperar por mais nenhum segundo Mathias logo entrou em contato.

Como é bom te ver online. Está tudo bem por aí amor?

A moça começou a digitar, enquanto Mathias esperava ansioso pela resposta.

Oi vida! Esta tudo bem por aqui e aí? Finalmente consegui conectar, o sinal aqui está péssimo e acho que vai cair logo.

Mathias logo respondeu.

Por aqui está tranquilo. Amanhã cedo sigo em direção a você e ficaremos juntos finalmente.
Cíntia demorou em responder novamente, mas logo explicou a demora.

Que notícia maravilhosa! Mau posso esperar para ter você aqui comigo. Desculpa pela demora, mas chegaram três pessoas aqui hoje e uma delas está doente e parece que aconteceu algo. Meu amor tenho que ir verificar, afinal estudo medicina e posso ser útil. Bjos, te amo!

A garota ficou offline no mesmo momento e nem deu chance para que Mathias pudesse responder. O jovem achou estranha a história de novas pessoas estarem no prédio, mas preferiu não colocar besteiras na cabeça e ir dormir, para que o dia seguinte chegasse logo.

- Hey! Acorda! – Jorge sacudia Mathias que acordava aos poucos.

- Que foi? – disse Mathias sonolento.

- Hora de partir – respondeu Jorge.

A frase soou nos ouvidos de Mathias como um energético potente. O jovem contador pulou da cama e observou que além de Jorge, Rafael também estava se preparando para fugir da mansão.

Chegando a cozinha para tomar seu café da manhã reforçado, ele encontra Naiara e Tiago fazendo o mesmo. A tensão está no ar e todos se alimentam em silêncio. Jorge e Rafael chegam em seguida e preparam seus lanches. Notando a falta de Vinicius, Rafael decide ir chamá-lo para não atrasar o grupo.

Ao se aproximar do quarto do astro teen, ele pode ouvir a voz de Vinicius e se aproxima lentamente para não chamar a atenção.

- Daqui a pouco estou saindo daqui e te encontro ainda hoje – dizia Vinicius conversando no telefone – não se preocupe, eles não saberão – dizia parecendo ser interrompido – só vou pegar uma carona e depois eles seguem o rumo deles.

Rafael é interrompido com a chegada de Naiara que percebe que o rapaz estava observando Vinicius e logo tira satisfações.

- O que você esta fazendo? – perguntou Naiara.

- Nada! – Rafael dizia gaguejando e assustado.

- Por que você estava observando ele? – questionava novamente. Nesse momento Vinicius sai do quarto sem entender muito bem o que estava acontecendo.

- Ele estava conversando com alguém – respondeu Rafael.

- Você está louco? – rebateu Vinicius ironicamente.

- Me desculpa Rafael – disse Naiara – mas você é ridículo. Já assisti alguns de seus vídeos, principalmente os que você criticava o Vinicius e sempre odiei – Naiara criticava o trabalho de Rafael – só uma dica para você. Não precisa mais espionar o Vinicius, seu canal acabou, se enxerga seu idiota.

Naiara puxou Vinicius para saírem dali e o jovem ator não expressou nada além de um olhar com tom superior para Rafael que naquele momento teve certeza que a ex-celebridade estava escondendo algo. As duras palavras de Naiara fizeram com que ele não tomasse nenhuma atitude em relação ao que ouviu minutos atrás e se Vinicius pretendia os deixar durante a viagem, seria melhor, inclusive se levasse Naiara junto.

Chegando a sala todos estavam reunidos a espera dele e em silêncio saíram para a área exterior da casa. Cautelosamente caminharam até o carro e podiam ouvir os grunhidos dos moribundos que caminhavam do outro lado do portão. Rafael abriu a porta do carro e entrou no lugar do motorista. Naiara e Tiago entraram nos últimos bancos do carro, Jorge e Mathias nos bancos traseiros e Vinicius no banco do passageiro. Todos estavam prontos para partir, até serem interrompidos por Naiara.

- Gente! Espere por favor – disse a jovem – esqueci a foto da minha família no quarto.

- Você não disse que ia pegar essa foto? – questionou Jorge.

- Sim, mas aconteceu algo antes que me fez esquecer – Naiara respondeu se referindo ao flagra de Rafael.

A jovem voltou para dentro da mansão e Jorge resolveu passar para o último banco onde ela estava, assim quando voltasse era só entrar no carro e iniciar a fuga. Vinicius estava desconfortável de ficar ao lado de Rafael, pois imaginava que ele havia escutado a conversa e poderia estragar seus planos. Em sua inquietação, Vinicius acidentalmente apertou o botão que levantaria o portão. Atraindo a atenção de todos os zumbis para o local.

- Seu idiota, olha o que você fez! – acusou Jorge.

Dentro da mansão, Naiara entra no quarto e acha sua foto, porém ouve um barulho estranho e percebe que os demais estão gritando pelo seu nome. Ela corre de volta para o carro, mas ao chegar à porta se depara com um zumbi. A moça solta um grito que os rapazes conseguem ouvir de onde estão e involuntariamente Rafael sai do carro em direção a entrada da mansão para socorrer Naiara.

No momento de desespero Vinicius passa para o do motorista, ele fecha a porta, liga o carro e acelera em direção a saída.

- O que você esta fazendo seu desgraçado -  dizia Mathias tentando impedir – meu primo está lá dentro.

A força de Mathias fez Vinicius perder o controle do automóvel por um segundo e Jorge resolveu segurar Mathias para que não sofresse um acidente, o que acabaria com a vida de todos eles.


Vinicius continuou dirigindo e a cada minuto ficavam mais distantes da mansão. Vinicius respirava fundo e pedia desculpas pela atitude que havia tomado. Mathias chorava e tentava soltar-se de Jorge. O ex-militar pela primeira vez não sabia o que fazer, se deveriam retornar para tentar ajudar Naiara e Rafael ou deixá-los para trás.

CONTINUA...

Próximo Capítulo
Capítulo VIII (Final) - 27 de Julho

Escrito por: Mike Oliveira
Art Visual: Laís Piai
Revisão: Luara Leão

Zombie Planet: Fora do Controle (Capítulo VII) Zombie Planet: Fora do Controle (Capítulo VII) Reviewed by MK Friend on 23.7.15 Rating: 5

Post AD