Header AD

Especial: Séries de Super-Heróis do Universo DC desde os anos 50 a 2015


Olá leitores do TPJ, esse é mais um Especial TPJ e nesse vou mostrar para você que as séries do Universo DC não apenas começou com Smallville ou Arrow, mas que começou lá na década de 50, espero que gostem de conhecer essas séries e as curiosidades.

As Aventuras do Super Homem


Os episódios apresentam o Superman em batalhas contra gangsters, vilões, cientistas do mal, além de perigos tais como asteróides, robôs e máquinas radioativas. No primeiro episódio, são dramatizadas sua infância em Krypton, a chegada à Terra, e sua criação por um casal de fazendeiros. Nos episódios sucessivos, ele concilia sua super-identidade com o comportamento suave de Clark Kent, no Daily Planet, e em momentos críticos, corre para um armário ou um beco, joga suas roupas e reaparece em trajes de super-herói para resgatar algum infeliz das garras dos malfeitores.

Curiosidades

A série foi um dos grandes sucessos da TV nos anos 50, as aventuras não exageravam nas possibilidades exibidas nos quadrinhos, por conta da limitação dos efeitos visuais. O Super Homem voava contra uma parede que simulava nuvens e a câmera ficava posicionada num ângulo de 90° para dar impressão de voo. A partir dessa data, o seriado começou a ser filmado em cores.

George Reeves, durante os anos seguintes ao final do seriado tentou de todas as formas se livrar do personagem, e acabou morrendo num inexplicável caso de suicídio com um tiro na cabeça, mistério que a polícia de Los Angeles não conseguiu explicar até onde, acabando por virar uma lenda urbana de Hollywood.

- Nas duas primeiras temporadas de As Aventuras de Super Homem, o uniforme do herói era marrom e bege, cores ideais para filmagens em preto e branco. Em 1954 a série passou a ser colorida e o uniforme passou a ter as tradicionais cores azul e vermelho.

'Camp' - Batman


Outro ícone dos quadrinho da DC Comics, Batman, também tentou sua sorte na televisão no seriado 'Camp' lançado em 1966, que respeitava a origem dos personagens, com o jovem Bruce Wayne, depois de ver seus pais assassinados, resolvendo se transformar no justiceiro mascarado para fazer justiça com as próprias mãos. A diferença era o tom mais cômico das aventuras, em que se sobressaía a ação. Os tons psicodélicos dos anos 60 transformaram o programa no sucesso do público jovem. O programa era incrementado com as famosas onomatopeias visuais nas cenas de luta com Batman e Robin enfrentando com a gangue do vilão da semana. A série ainda trazia, pela primeira vez, alguns ícones do homem morcego, como o batmóvel, batsinal e o inigualável cinto de utilidades. Mesmo com o sucesso os produtores resolveram incrementar o seriado a partir da 3° temporada, colocando Yvonne Craig como a sensual combatente do crime Batgirl.

Infelizmente a série foi tirada do ar ao final de sua 3° temporada os atores Adam West e Burt Ward acabaram tentando fazer carreira, mas sem o sucesso anterior. O West aceitava aparecer vestido de Batman em inaugurações de shopping e eventos do tipo. Ele deixou essas atividades quando o transformaram em bala humana, disparada de um canhão num parque de diversões.

Mas os dois emprestariam as vozes para o desenho animado feito em 1977 (As Novas Aventuras de Batman e Robin). A dupla de atores do cultuado seriado voltaria a se reunir no especial para a TV, 'De Volta a Batcaverna', no qual interpretam a si mesmos tentando descobrir quem roubou o batmóvel usado na série.

Curiosidades

- Batman foi um dos seriados em que os grandes nomes de Hollywood nos anos 60 queriam aparecer, até mesmo os que raramente apareciam na TV. Frank Sinatra, Natalie Wood e Cary Gant eram grandes fãs da série que queriam estar nela, mas os produtores nunca conseguiam criar os personagens ideais para eles.

- O criador do personagem, Bob Kane, disse que o seriado reviveu a popularidade de Batman e salvou os quadrinhos de terem sua publicação cancelada na época, apesar disso a maioria dos fãs das HQs desprezavam a série pelo conteúdo humorístico e pelos os personagens estereotipados.

- Um dos vilões mais populares da série foi o Pinguim, interpretado por Burguess Meredith. O ator, não fumante, conseguiu imprimir a voz característica do personagem, pois os cigarros irritavam sua garganta.

- Quando o seriado estreou, o mordomo Alfred havia sido assassinado alguns anos antes nos quadrinhos. Mas quando os produtores anunciaram que ele se tornaria um personagem regular na série, ele ' ressuscitou' nos quadrinhos.

- A tia Harriet Cooper entrou no seriado em parte, porque nos bastidores havia um certo nervosismo pelo fato de Bruce Wayne e Dick Grayson, dois homens jovens e solteiros, morarem juntos.

- Antes de ir ao ar, Batman recebeu a pior avaliação nas exibições-teste para o público em toda a história da rede ABC. A série só foi ao ar, porque muito dinheiro havia sido investido em sua produção.

Mulher Maravilha

 

Quando Batman conseguiu fazer sucesso no horário nobre da TV americana com seu estilo debochado, muitos produtores pensaram que adaptar personagens dos quadrinhos, especialmente super heróis poderosos, pudessem ser um bom negócio. É claro que nessa década os efeitos visuais estavam muito longe do realismo que uma série dessas precisa ter.

Em 1974, o roteirista e produtor William M. Marston desenvolveu para a TV o piloto do que seria o programa sobre Diana Prince, a Mulher Maravilha, com Cathy Lee Crosby no papel principal. A Mulher Maravilha só ganhou sinal verde para ser produzida dois anos depois. Na segunda temporada a série mudou de emissora e foi atualizada, tirando Diana Prince dos anos 40 e levando-a para os dias atuais, trabalhando ao lado de Steve Trevor no serviço secreto americano.

Curiosidades

- Lynda Carter não passou no teste para interpretar a personagem no piloto, mas depois venceu 2000 candidatos para estrelar a série.

- Nos bastidores, a tensão entre Lynda e seu co-astro Lyle Waggoner (o Major Steven Trevor) era tão grande que as cenas em que os dois aparecem juntos foram diminuindo cada vez mais no decorrer da série.

- Nos três primeiros episódios, a transformação de Diana em Mulher Maravilha era mostrada em câmara lenta, com a fusão de imagens das duas. Como o método saía muito caro, a partir do quarto episódio, ela já ficava pronta com um giro e um clarão vermelho e azul.

- A Mulher Maravilha combatia o mal com três incríveis acessórios: um cinto dourado que lhe dava muita força, um bracelete que desviava tiros e um laço dourado que obrigava as pessoas a dizerem a verdade.

Superboy


A série, dos mesmos produtores que levaram o Super Homem para o cinema em 1978, mostrava as aventuras do Superboy em Smallville, com Clark estudando jornalismo na universidade local, tendo como colega Lana Lang e como vilões praticamente quase todos os que aparecem nos quadrinhos.

É claro que, por conta dos efeitos visuais não muito elaborados, nem sempre era possível desenvolver aventuras similares às que Superboy enfrentava nos gibis. Talvez seja por isso que na última temporada o seriado mudou seu direcionamento, transformando Clark num repórter que investigava casos sobrenaturais.

A série saiu do ar depois de 100 episódios, por causa de uma ação legal movida pela Warner, dona da DC, pelo uso indevido do personagem numa série de TV.

The Flash (1960)


The Flash foi uma série sobre o homem mais rápido do mundo, criado por Gardner Fox, nos anos 60. Barry Allen é um técnico da polícia de Central City que está trabalhando à noite em seu laboratório quando um raio o atinge, junto com uma série de produtos químicos que alteram sua estrutura molecular. Agora, ele possui o incrível poder de correr mais rápido do que um jato, em velocidades supersônicas, e começa a enfrentar o crime nas ruas de Central City.

O único problema é que a série era muito cara para ser produzida, e os roteiros não conseguiam adaptar alguns dos principais personagens enfrentados pelo herói nos quadrinhos, gerando o desinteresse do público. A série não passou de 21 episódios e foi exibida rapidamente pela Globo dois anos após seu cancelamento.

As Novas Aventuras do Superman


Foi a primeira tentativa da Warner de produzir uma série com bons efeitos visuais e roteiros interessantes, que respeitavam não só a origem do personagem clássico dos quadrinhos, mas também modernizavam as histórias, os amigos e os vilões, além de manter vivos os pais adotivos de Homem de Aço. A ideia era focar no relacionamento entre dois competitivos repórteres, Lois Lane e Clark Kent, ambos trabalhando no jornal Planeta Diário.

Os produtores escolheram Dean Cain por seu porte físico, mais a experiência, tendo participado de vários episódios de outras séries. Teri Hatcher ganhou o público com sua Lois Lane arrojada, competitiva, e com charme só dela. O seriado trouxe para a TV algo que estava começando a ser esboçado nos quadrinhos: o casamento de Lois e Clark, que se consumou no final da terceira temporada.

Depois de sair da programação da Globo, a série foi redescoberta no Warner Channel, no qual foi exibida em sua totalidade.

Curiosidade

- O nome Superman no original foi adotado por causa da área de licenciamento da Warner, que queria unificar o nome do personagem no mundo inteiro, jogando-se no lixo o nome Super Homem pelo qual o personagem era conhecido no Brasil há mais de 50 anos.

Smallville - As Aventuras do Superboy

 

A DC Comics nunca conseguiu emplacar o Super Homem, seu principal personagem, em séries de TV, mesmo com eficientes tentativas ao longo de 50 anos de televisão.

Foi a dupla de roteiristas e produtores Milles Millar e Alfred Gough que trouxe um novo ar ao herói ao criarem Smallville, contando as aventuras do jovem Clark Kent no período em que morava com os pais na cidade de Smallville, ou Pequenopólis caso você tenha visto a série dublada, e ainda descobrindo lentamente seus fabulosos poderes.

O que não parecia uma ideia boa se transformou num sucesso de audiência, tanto nos Estados Unidos como em outros países, provavelmente por criar uma nova mitologia para os personagens, mostrando-o como um adolescente comum enfrentando as dificuldades típicas da idade.

No seriado, a vida de Clark e Lex Luthor irá se cruzar quando Luthor atropela acidentalmente Clark sob uma ponte. Para evitar que Lex morra, Clark arranca a porta do carro submerso, salvando a vida de seu futuro inimigo. Assim como acontecia nos quadrinhos originais, os dois inicialmente tem um laço de amizade. Secretamente, porém ele quer descobrir como aconteceu o acidente. Clark, por sua vez, ainda acredita na amizade de Lex, que o incentiva a revelar sua paixão por Lana Lang, outra personagem que, assim como Pete Ross, veio dos quadrinhos.

Os produtores acrescentaram Chloe, uma estudante que quer se tornar repórter e que é prima de Lois Lane. Chloe edita o jornal da escola, o Tocha, que investiga fatos relacionados com a queda dos meteoros verdes em Smallville, o qual gera poderes nas pessoas atingidas, podendo ser que a maioria delas virem vilões nos capítulos apresentados.

A série foi exibida pela Warner e o SBT no Brasil, sendo que foi finalizada com 10 temporadas.

Curiosidades

- Chloe ficou tão querida pelo fãs do herói que foi incluída nos quadrinhos do Super Homem.

- Annete O'Toole, que interpreta a Sra. Kent, foi Lana Lang no filme Superman 2 (1983).

Observação: Se quiser saber mais sobre Smallville, leia o Nostalgia: Smallville que o TPJ fez a algum tempo.

Arrow
 
 
Arrow atualmente está na 3° temporada e dia 11 de janeiro foi renovada para a 4°, contando a história de Oliver Queen, um playboy bilionário de Starling City, que passa cinco anos preso em uma ilha após um naufrágio que põe fim a vida de todos a bordo, incluindo seu pai, Robert Queen, e Sara Lance, irmã mais nova de sua namorada Laurel Lance, com quem estava tendo um caso. Após seu retorno à Starling, ele se reencontra com a mãe, Moira Queen, e seu novo marido, Walter Steele, o antigo CFO da companhia do seu pai e que agora é o novo CEO. Ele também é bem recebido pela irmã mais nova, Thea, e seu melhor amigo, Tommy Merlyn, filho do bilionário Malcolm Merlyn. Oliver também tenta reencontrar-se com a ex-namorada Laurel, mas ela o culpa pela morte da irmã, Sara, já que ambos estavam tendo um caso no momento do acidente.
 
Durante o dia, Oliver finge ser um playboy bilionário; à noite, ele se torna um Vigilante com capuz verde, seguindo os desejos do seu pai antes de morrer, corrigindo os erros da família Queen, lutando contra os males da sociedade e restaurando Starling City à sua antiga glória. O Vigilante, a outra personalidade de Oliver, torna-se o foco do detetive Quentin Lance, pai de Laurel e Sara, que está determinado a prendê-lo. Ele acusa Oliver como o culpado da morte da filha e de sua esposa o ter largado, embora ele permaneça sem saber da sua verdadeira identidade.

Gotham



A série estrou em setembro de 2014 e acompanha a história de um novo recruta do Departamento de Polícia de Gotham da capitã Sarah Essen, o Detetive James Gordon que se junta com Harvey Bullock para resolver um dos casos de maior destaque de Gotham: o assassinato de Thomas e Martha Wayne. Durante sua investigação, Gordon conhece o filho dos Wayne, Bruce, agora sob os cuidados de seu mordomo Alfred Pennyworth, o que incentiva Gordon ainda mais a capturar o assassino misterioso. Ao longo do caminho, Gordon deve enfrentar a máfia liderada por Carmine Falcone, bem como muitos dos futuros vilões de Gotham, como Selina Kyle (Mulher Gato), Edward Nygma (Charada) e Oswald Cobblepot (Pinguim). Eventualmente, Gordon é forçado a formar uma improvável amizade com Bruce Wayne, que irá ajudar a moldar o futuro do menino em seu destino de se tornar O Cavaleiro das Trevas.

The Flash



A série estreou em outubro de 2014 e dia 11 de janeiro de 2015 foi renovada para a 2° temporada. A história narra a vida de Barry Allen que após testemunhar o estranho assassinato de sua mãe e a injusta acusação de seu pai pelo crime, este fica sob os cuidados do detetive Joe West e sua filha Iris West.

Allen se torna brilhante, mas socialmente um perito desconhecido trabalhando para o Departamento de Polícia de Central City. Sua obsessão por seu trágico passado faz com que ele fique separado das demais pessoas ao seu redor; ele investiga casos frios, ocorrências paranormais, e vazamentos de ponta de avanços científicos que podem dar uma luz no caso do assassinato de sua mãe. Ninguém acredita em sua descrição do crime — uma bola de raio com o rosto de um homem invade sua casa naquela noite e mata sua mãe — e Allen é forçado à procurar por si mesmo pistas que limpem o nome de seu pai.

Quatorze anos depois da morte de sua mãe, um mal funcionamento no avançado Acelerador de Partículas, durante sua apresentação ao público, banha a cidade com uma forma de radiação previamente desconhecida durante uma tempestade. Barry é atingido por um raio da tempestade e banhado em produtos químicos em seu laboratório. Acordando depois de um coma de nove meses, ele descobre que tem a habilidade de se mover mais rápido que qualquer ser humano. O Dr. Harrison Wells, criador responsável pela falha do Acelerador de Partículas, descreve a natureza especial de Barry como um "meta-humano"; Barry, mais tarde, descobre que ele não é o único que mudou com a radiação. Ele promete usar seus poderes para proteger Central City dos riscos criminais dos meta-humanos. E então, associado por alguns amigos próximos que guardam seu segredo, adquire uma nova personalidade conhecida como Flash .

Super Girl


 


Irá lançar ainda em 2015 e irá contar a história da prima de Superman que, após 12 anos mantendo seus poderes em segredo na Terra, decide finalmente abraçar suas habilidades sobre-humanas e ser a heroína que ela sempre sonhou. Kara conseguiu escapar de Krypton ao mesmo tempo em que seu primo, Kal-El, com a ajuda de seus pais. Protegida e criado na Terra por uma família adotiva, os Danvers, Kara cresceu na sombra de sua irmã adotiva, Alex (Chyler Leigh), e aprendeu a esconder seus poderes fenomenais que ela compartilha com seu primo, a fim de manter a sua identidade em segredo. Anos mais tarde, Kara está vivendo em National City, auxiliando a magnata da mídia Cat Grant, que contratou o ex-fotógrafo do Planeta Diário, James Olsen (Mehcad Brooks), como seu novo diretor de arte. No entando, os dias de Kara de manter sua identidade em segredo estão chegando ao fim, quando Hank Henshaw (David Harewood), chefe de uma agência super-secreta onde sua irmã trabalha, pede que ela ajude a proteger a cidade de ameaças sinistras. Kara terá que encontrar uma maneira de gerenciar sua vida de heroína, e sua vida cotidiada como uma simples humana.




DC's Legends of Tomorrow



Quando apenas heróis não são suficientes...o mundo precisa de lendas. Tendo visto um futuro que fará de tudo para evitar, o viajante no tempo Rip Hunter recebe a missão de criar um grupo formado por heróis e vilões para impedir uma ameaça incontrolável - algo que não põe apenas o planeta em perigo, mas a própria noção de tempo. Poderá esse time desorganizado derrotar uma ameaça imortal diferente de qualquer outra que tenham conhecido?

Estreia em 2016



Especial: Séries de Super-Heróis do Universo DC desde os anos 50 a 2015 Especial: Séries de Super-Heróis do Universo DC desde os anos 50 a 2015 Reviewed by Luara Moraes Leão on 16.5.15 Rating: 5

Post AD