Header AD

A mudança Hipster na tecnologia (Parte 2)


Depois de um ano, nós do TPJ vamos voltar a falar sobre os hipsters, afinal é um tema super interessante que tem a ver com muito de nossos leitores. A cultura hipster por si só busca fugir um pouco do padrão e para isso muitas das vezes esses "seres" optam por acessórios e tecnologias obsoletas "aquelas que ninguém mais usa" porem ao menos no campo da tecnologia isso vem gradativamente mudando.

Música

A forma que os hipsters mais acíduos consomem música era os Walkman, você jovem mais contemporâneo nem deve saber o que é isso, mas eu vou te dar uma focinha. Os walkman eram dispositivos toca fita ou CD portáteis bastante usados na época de 90 e 2000, mas isso persistiu por um bom tempo na cultura hipster, afinal tudo que é diferente, é "cool".

De uns tempos pra cá a forma de se consumir música mudou drasticamente, e a cultura hipster teve que romper e aderir a essa mudança, já em 2007 a principal forma de ouvir musica eram os MP3 e claros os iPods, Era uma forma simples de guardar sua biblioteca de música e ouvir de onde estivesse, era um dispositivo pequeno e com uma quantidade de armazenamento razoável.

Hoje em dia nada disso é mais usual, até mesmo aos hipsters que querem tudo diferente. Hoje temos um pequeno computador conosco chamado de "Celular" e nele nós guardamos tudo de importante, incluindo nossas músicas. Mas no mercado atual guardar musicas na memoria interna é coisa do passado, e quem tomou conta são os serviços de streaming que em geral dispõem de uma biblioteca gigantesca, sem ter que ocupar toda a memoria do seu dispositivo, alem de estar disponível em qualquer lugar com acesso a internet. Com toda essa mordomia nem os hipsters resistem.

Filmes

No quesito filmes, o consumo desse entretenimento pelos hispsters sofreu quase a mesma evolução que a musica. Também na década de 90 e 2000 haviam formatos de se consumir filmes que hoje em dia são obsoletos mas que permaneceram com os hipsters por um bom tempo, e alguns insistem até hoje em consumir esse tipo de mídia. Um exemplo são as fitas VHS e os DVD's, que fizeram um grande sucesso com o grande público nas décadas de 90 e 2000 mas que persistem até hoje com os hipisters.

Mas a evolução é clara e é bem difícil de escapar até mesmo para os hipsters, hoje o formato mais utilizado por todos, até mesmo pelos hipsters, é o serviço de streaming de filmes, o famoso Netflix. Assim como ocorreu na música esse formato é bem prático e tambem é disponível em qualquer lugar com acesso a internet. Difícil escapar das facilidades da internet, né?

Celular

O celular, ah o celular, o que seriamos sem ele né? Ele surgiu pra acabar com muitos dispositivos e facilitar muito nossa vida. Os dois tópicos acima pode ser acessado por esse pequeno dispositivo chamado celular, o qual eu aposto que você tem um no bolso. O objetivo em ser hipster é ser diferente da maioria, mas poxa, sem celular não da né? Então a classe dos hipsters teve que de novo se render a uma tecnologia.

Muitos hipsters ainda usam dispositivos "obsoletos" para a maioria, como toca vinil, câmera analógica, leitor VHS, entre outros. E o celular chegou pra substituir muito dessas "tralhas", e claro o hipster mais durão não vai dar o braço a torcer a essas novas tecnologias, mas pra ser hipster e manter a cultura retro viva, você pode sim usar novas tecnologias. Existem inúmeros apps para celular que simulam películas de câmeras analógicas e ate mesmo aquelas filmadoras bem antigas, que usavam disco de filme.

Bom mas para concluir, eu poderia fazer um texto quilométrico falando sobre tecnologias que os hipsters se renderam, porem não tenho todo esse tempo e espaço. De todos os campos, a tecnologia é a que mais força o hipster a ser menos hipster. Mas o que há de mal nisso? O mundo é uma evolução constante e se render a algumas evoluções não vai te deixar menos hipster ou mais próximo do mainstream, afinal mesmo  com toda tecnologia tem sempre um jeito de ser diferente da maioria.

Se você é hipster, fale aqui nos comentários quais as tecnologias que você não se rendeu ;)

A mudança Hipster na tecnologia (Parte 2) A mudança Hipster na tecnologia (Parte 2) Reviewed by lucas hallwas on 23.4.15 Rating: 5

Post AD